Conversa Brasileira

January 3, 2012

Shopping 1: They’ll love this with a passion!

Filed under: Videos — nathalie @ 10:45 am

Here in Austin, Texas, Ana’s boutique is so well known that everyone just calls her “Ana Brasil.” Imagine, she is so much a part of the community that even her name represents a whole country. Now we know that in this clip Denise is pretending to be in Brazil and she hopes to bring some creative items back for her friends. Ana Brasil has tons of cool items and there is no doubt that she’ll take some pretty unique pieces home. So, let’s see what Denise ends up buying as part of this Conversa Brasileira.

52 Comments »

  1. porque ela fala “eu tô indo pros EEUU” em vez de falar “eu vou ir pros EEUU?” “tô indo” sõa como se já fosse em camino nesse mesmo momento.
    “Presentear” é uma palavra verdadeira? Our deveria se dizer “dar presentes para pessoas?”

    Comment by Alexis Quintanilla — March 1, 2012 @ 6:08 pm

  2. Se “…um cafezinho.” significasse “…some coffee.”, como é que vc diria “…one coffee.”?

    Comment by Bryan Lee — March 4, 2012 @ 6:03 pm

  3. A Ana falou “A comunidade…o pescador… é… provides…dá esse…” Esse “provides” foi um erro ou é uma dessas palavras do ingles que já forma parte do portugués brasileiro?

    Comment by Erick Rodriguez — March 4, 2012 @ 10:07 pm

  4. Eu não sabia que a ultima moda é tão importante no Brasil. De verdade, você pode ver a importância da moda quando viaja ao Brasil? Eu gosto muito que os presentes são importantes para os brasileiros dar aos seus amigos. Parece que as relações e a comunidade são mais importantes aos brasileiros enquanto o estilo americano é mais individualista.

    Comment by Taryn Davis — March 4, 2012 @ 10:08 pm

  5. No clipe falando sobre a criatividade do Brasil, alguém disse “garrafa pet” como um exemplo. O que é um garrafa pet exatamente? Também, achei interessante a frase “pode ter a ver com” porque antes eu só ouvia essa frase usada com a palavra algo. Assim, “pode ter algo a ver com”. Pode usar as duas formas então?

    Comment by Megan Logan — March 4, 2012 @ 10:11 pm

  6. Achei muito legal que falaram sobre o cafézinho. Lembro muito que quando estava no Brasil e era depois do almoço, todos sempre tomavam cafezinho. Também eu não tinha percebido que no Brasil se usa um café para dizer “some coffee” em Ingles é mais geral a palavra e não um só.

    Comment by Marely Zamarron — March 4, 2012 @ 10:38 pm

  7. Nos vídeos falam muito do diminuitivo mais tem muitos significados diferentes como uma coisa pequena, uma coisa bonita e um apelido. Podemos falar o diminuitivo tem significados diferentes?

    Comment by Wade Tomlinson — March 4, 2012 @ 11:46 pm

  8. u não sou claro sobre quando usar e ISSO ESSE. No pop-up Criatividade do Brasil eles estão falando de arte popular ou arte indegnious? Eles parecem ser dicussing um grande movimento artístico entre os brasileiros. Estou curioso sobre os tipos de arte de artistas brasileiro na contemporâneo estão fazendo.

    Comment by Claire Dempster — March 5, 2012 @ 12:11 am

  9. tambem eu sou interesada na arte brasiliera? por que e diferente?

    tambem eu quero dizer “adoro de paixao” ao menos uma vez essa semana haha eu gosto desso expressao muito :)

    Comment by Magdalene — March 5, 2012 @ 12:40 am

  10. Eu gostei de como a conversa mostra a importância de trazer presentes tipicos para seus entes queridos quando você viaja. O que eu estou em duvida é quando elas falam sobre o broche, elas dizem: “… e anel. São três itens.”

    Comment by Karla Trochez — March 5, 2012 @ 12:47 am

  11. Acho que a escama de peixe que usam para fazer as coisas vem da pirarucu. Não entendo bem o conceito das presentinhas. Só tem que levar lembracinhas quando vai visitar a alguem ou tem que dar uma presentinha quando alguem vai vir a sua casa também?

    Comment by Nina Yonemoto — March 5, 2012 @ 1:33 am

  12. Acho que e interesante que se diz “presentear” en vez de “dar presentes”. Nao entendi porque dizem “tres itens” em vez de “tres coisas”?

    Comment by Vivian Graves — March 5, 2012 @ 1:46 am

  13. Fica/fique vontade é muito bem prático, e vai com o fluxo da conversa. Porém, como é que a gente falaria ‘shopping spree’? E o que será o remédio pra tal negozio?

    Comment by Ricardo — March 5, 2012 @ 2:27 am

  14. Não sabia que um outro significado de “achar” é “to find.” Os verbos portugueses têm muitos significados diferentes–que interessante. Eu também notei que “seguinte” é “thing.” Muito diferente de “following!”

    Comment by Elie Wu — February 25, 2013 @ 3:19 am

  15. Depois de ela decider comprar uns cinco das rosas, Denise pergunta “Que mais você teria?” Por quê ela usa o condicional e não, por exemplo, “Que mais você tem?”

    Comment by Sam Naik — February 25, 2013 @ 9:59 pm

  16. Percebi como elas usaram tanto “ce” como “você”; há uma regra para isso? Ou usam “ce” e “você” quando queiram?

    Comment by Aaron Dickinson — February 26, 2013 @ 5:57 pm

  17. Porque a gente usa a preposição “de” quando disse “adoram de paixão” em vez de usar a preposição “com”?

    Comment by Laura Fuentes — February 26, 2013 @ 9:39 pm

  18. Que signfica “escama de peixe”?
    Também, acho muito legal que uma das mulheres diz: “o pescador … é … provides … dá esse”. É uma coisa muito interesante, como comece misturar as línguas quando mora num outro país.

    Comment by maria hardt — February 26, 2013 @ 11:14 pm

  19. Eu gostei que agora eu entendo e posso reconhecer personalized infinitives. “Deixa eu ver” e “pra você levar”.

    Comment by Denise Sanchez — February 27, 2013 @ 2:30 am

  20. Gostei de aprender de alguns usos de “dar” nas várias frases. Por exemplo, gosto da frase com dar, “Sim, tudo deu certo” ou “Não, não deu certo” com este uso diferente também. Além disso, já notei o uso de nem para dar mais ênfase. Finalmente, se for possível, gostaria de falar mais sobre “esse” vs. “isso” na aula.

    Comment by Lauren Dow — February 21, 2014 @ 10:55 pm

  21. É muito legal ver a comunidade brasileira tão perta aqui no Austin. Adoro a cultura tão amigavél. Eu nunca tinha escutado a palavra “espiada,” acho que entendí que era para olhar pela jola, procurar, né?

    Comment by Arianne Moran Matheus — February 23, 2014 @ 3:27 pm

  22. Eu gostei muito desta conversa porque eu adoro do shopping! Eu não sabia o que era o escama de peixe. Também notei quando a Andrea uso “eu te falo”. Não somente notei o uso de tu, mais também entendi que a frase e uma usada na fala de todo dia. E certo? O uso do presentear que dizer dar presentes?

    Comment by Isabel Suarez — February 23, 2014 @ 11:40 pm

  23. Eu gostei muito do video, acho que fala de coisas gramáticas importantes! Quando eles dizem que não usam uma palavra para dizer “it,” omitem tudo, mais pode usar “o,” ou “a” com o verbo também para indicar o objeto? Também, eu gostei muito do parte onde descrevem a diferença entre “que,” e “quem.”

    Comment by Brittany Weinstein — February 24, 2014 @ 10:42 am

  24. Foi interessante como as mulheres não disseram “suvenir” nem “lembrança” tanto mas disseram “presente”. Também foi interessante que ela pensava em dar um presente assim de criatividade. Se fosse eu dar um presente tão criativo como aqueles, ninguém gostarem!

    Comment by Olivia Wiley — February 24, 2014 @ 10:44 pm

  25. Presentear é muito interessante no Brasil. Ele é semelhante a muitos países latino-americanos, mas também diferente. Quando os meus pais visitar a família no México, trazem presentes como roupas e alimentos. A diferença parece ser a quantidade de pensamento que é posto no presente. A partir da conversa, o pensamento é dado para os presentes que serão dados aos amigos prazer. O conceito de dar um presente em uma reunião de negócios é surpreendente, porque eu não vi no México, durante ou depois de uma reunião. Algo que pode relacionar com é quando uma pessoa não abrir o seu presente até horas mais tarde. Eu encontrei esta acção ofensiva quando cheguei para os Estados Unidos.

    Comment by David Cervantes — February 25, 2014 @ 12:45 pm

  26. Eu adoro o fato de que oferecem cafezinho nas lojas no Brasil. Também quando eu fui tinham bolacha e doces. É uma coisa brasileira, onde atendem muito bem ao cliente, são serviçais. Nos Estados Unidos só em lojas de marcas caras ou de vestidos de noivas oferecem algum tipo de bebida para o cliente.

    Comment by Adria Fernandez — February 25, 2014 @ 5:37 pm

  27. Embora eu não tenha muita experiência no shopping eu vi muitas coisas parecidos da maneira que fazem essa atividade – por exemplo a pessoa atendendo o cliente é muito muito útil, tentando fazer/dizer tudo para que comprem qualquer coisa

    Comment by Charles Wight — February 25, 2014 @ 6:57 pm

  28. Eu gostei ao inicio o uso do infinitivo pessoal quando fala “deixa eu ver.” Eu acho este exemplo muito bom e também algo que eu sempre penso em usar. Agora, sei como usá-lo e também empregar esta técnica gramática.

    Comment by Randy Helmcamp — February 25, 2014 @ 7:30 pm

  29. Eu acho que é bem interessante como vocês falam sobre a criatividade do Brasil. Eu totalmente conheço que vcs estão falando sobre. Eu gosto muito disso estilo das coisas. Por exemplo, eu tenho uma pulseira que é feito de pedrinhas muito coloridas e eu acho que é bem brasileiro porque do estilo e colores. Mas eu acho que brasileiros fazem isso porque eles têm matérias e recursos diferentes disponíveis para eles.

    Comment by Mercedes Ballard — February 25, 2014 @ 9:15 pm

  30. Eu amo os artesanatos! Quando tênia 18 anos, eu trabalhava para um artesão numa praça no centro de Mendoza. Eu o ajudava a fazer colares e pulseiras. Ainda, ver ao cara trabalhar com os metais, tipo prata, era muito legal. É sinceramente uma arte diferente.

    Comment by Marcos Barrera — February 25, 2014 @ 9:44 pm

  31. Eu lembro muito bem tentando achar lembrancinhas perfeitos pros amigos e pra família. Fui até Porto Alegre para encontrar aquele presente perfeito. Acabei comprando coisas gaúchas para todo mundo.

    Comment by Olivia Baker — February 25, 2014 @ 10:06 pm

  32. O colar é bem bonito, eu quero conseguir um para mim! Quero saber onde é que está essa loja, está em Austin? Quero encontrar uma loja que vende coisas brasileiras. Achei muito legal o vídeo porque eu sempre gosto de comprar lembrancinhas quando viajo.

    Comment by Christine Molina — February 25, 2014 @ 10:21 pm

  33. Eu concordo que todas as brasileiras sempre gostam de ter as mãos feitas e de estar de moda. Acho que as brasileiras são muito mais conscientes das opiniões dos outros. É quase um pecado sair da casa sem mão feita!

    Comment by Michelle DuBois — February 25, 2014 @ 10:34 pm

  34. Adorei esse vídeo! As expressões que considero mais úteis são “lembrancinha” e “última moda”. Realmente falamos isso muito no Brasil! Não conheci a loja da Ana Brasil. Quando eu morava em San Antonio, tinha muita vontade de conhecer. Mas quando mudei pra Austin, ela fechou a loja. Que pena!

    Comment by Rebeca Vianna — February 25, 2014 @ 10:36 pm

  35. O povo brasileiro adora dar presentes, quase de maneira cômica. Por exemplo minha professora de português no Brasil nos levou uns saquinhos de aberturas de lata no primeiro dia. Foi um presente bem bonitinho e carinhoso, especialmente quando ele nos dou os mesmos saquinhos no dia final!

    Comment by Sam Hagan — February 25, 2014 @ 10:37 pm

  36. Eu quero visitar essa loja! Uma das minhas coisas favoritas de viajar a um pais novo é ver sus artes. Embora não posso ir pra Brasil agora, talvez eu ainda posso ter alguns dos seus artes.

    Comment by Leon Leid — February 25, 2014 @ 10:49 pm

  37. “nem vi” é um expressão fixa, ou pode usar “nem” com um outro verbo para o mesmo sentido?
    Não me importa o que é na moda, mas espero que o preço para uma manicura seja o mesmo aqui que é lá no Brasil! É muito mais barato!!

    Comment by Jenna Tipton — February 25, 2014 @ 11:28 pm

  38. É muito interessante ver como o cliente e vendedor interagem. É muito amigável, e não se sente tão forçado como as interações aqui nos estados unidos. O cliente pede a ajuda da mulher, e eles conversam, enquanto que nos Estados Unidos, parece que os clientes preferem fazer compras sem interagir com os trabalhadores.

    Comment by brittany dunne — February 25, 2014 @ 11:47 pm

  39. Achei muito interessante que Ana falou “eles adoram de paixão,” porque é uma expressão muito forte, isso implica que eles realmente amam a coisa muito.

    Comment by Edna Rangel — February 25, 2014 @ 11:57 pm

  40. Observei que Ana pediu Denise se ela queria um cafezinho, e Denise respondeu “Ah, lógico, né?” Acho que os brasileiros tomam muita café, e que muitas lojas no Brasil oferecem café aos clientes. É interessante aprender em que países a norma cultural é tomar café, e onde a norma é tomar chá.

    Comment by Diana Pop — February 26, 2014 @ 1:18 am

  41. No Brasil usamos muitas criatividades, gerar ideias novas e transforma-las em produtos é fantástico, a reciclagem está em alta e por isso as garrafas pet se tornam importantes mesmo depois de utilizadas, sobre o cafezinho brasileiro é tradicional e agrada uma recepção

    Comment by Arte — May 12, 2015 @ 9:03 am

  42. Por exemplo, eu li que a Coca Cola vai usar garrafas (durante as olimpíadas) que vem do begaço de cana de açúcar. Que coisa fantástica!

    Comment by orkelm — May 12, 2015 @ 9:11 am

  43. Quais são os usos da palavra “nem”? O que significa o verbo “presentear”? O que significa a frase “não tem erro”? Quando o brasileiro usa adorar de paixão em vez de adorar ou curtir ou gostar? O que significa “uma espiada”?

    Comment by Claire Abs — June 12, 2018 @ 9:59 am

  44. Quais são os usos da palavra “nem”? O que significa o verbo “presentear”? O que significa a frase “não tem erro”? Quando o brasileiro usa adorar de paixão em vez de adorar ou curtir ou gostar? O que significa “uma espiada”?

    Comment by Claire Abs — June 12, 2018 @ 9:59 am

  45. A primeira frase que eu não entendi era “escama de peixe”. Também eu não sabia que presente pode ser um verbo além de um substantivo. Eu nunca ouvi uma pessoa diz “eu tenho amigos para presentear” então achei que era muito interessante e útil também. A outra coisa que eu percebi era a responsa da Denise quando Ana perguntou que ela quer um cafezinho. A Denise disse “lógico” e “imagina!” como era óbvio que ela queria. Se você faça isso nos EUA, é mal-educado.

    Comment by Karen Gardiner — June 12, 2018 @ 4:57 pm

  46. Percebi que a cliente e a empregada se trataram como se fossem amigas. Notei que elas se abraçaram primeiro e depois se tocavam de umas vezes. Falaram de tomar cafezinho e a empregada foi muito serviçal como a cliente. Parecia que tinham muita confiança entre elas.

    Comment by Celinda Vallejo — June 12, 2018 @ 5:49 pm

  47. Eu estou um pouco confuso sobre essa frase “Eu tô aqui tentando achar alguma coisa…” porque na tradução significa “I’m over here trying to find something.” Então, por que ela usa estou tentando achar em vez de o verbo procurar ou buscar? Eu observei essa nas questões muito, “o que que” É necessário que a gente use “que” duass vezes numa questão? Por que os brasileiros repetem a palavra “que” as vezes numas questões?

    Comment by Alreign Bauzon — June 12, 2018 @ 6:51 pm

  48. Acho que foi estranha a frase nem vi, acho pelo que contexto que significa que a Ana não viu a compradora entrar na loja, acho que é legal como as mulheres se tratam no video como se fossem amigas íntimas e se conhecem faz muito tempo. Eu não entendi a expressão escama de peixe, gostaria se o professor pudesse explicar isso melhor.

    Comment by Lorraine Torres — June 12, 2018 @ 8:45 pm

  49. Acho que disse “provide” no Inglês, mas não tenho certeza disso. Mas, se ela dissesse isso eu queria perguntar sobre isso. Porque ela usou inglês nesse caso, é comum que pessoas diz “provide” no inglês. Não sei que é um caso de estrangeirismo ou só ela que faz isso.

    Comment by Briana Du — June 12, 2018 @ 11:11 pm

  50. Eu pensava que o verbo “apresentar” quer dizer introduzir uma pessoa para alguém que não conhece. Aqui ela parece usar o verbo “apresentar” ou talvez “apresentear” como “dar um presente para alguém.” Achei muito estranho. Isso é só inventado ou é palavra mesmo?

    Comment by Sabrina Pereira Chavez — June 13, 2018 @ 4:55 am

  51. Eu também tenho dúvidas com a palavra “presentear.” Vocês não usam “regalar” para referir a presentes? Ou é mais comum falar “presentear?”

    Comment by Brendan Chantelois — June 13, 2018 @ 5:40 am

  52. Test comment Orlando

    Comment by orkelm — June 19, 2018 @ 6:59 am

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Leave a comment

Brazilpod  |  2020-06-05, 03:55:20 PM